Arquivo da tag: Ritual

REVIEW: Ritual Marambá

As expectativas para o maior e mais importante apanhado de cinco anos do Marambá foram altas e a trupe não decepcionou.

A organização sempre acertada da Cosmic Crew em parceria com o próprio artista levou o ritual para Suzano, a pouco mais de 60 quilômetros do centro de São Paulo. Sítio acessível por trem e uber, fácil de localizar e na beira da pista. Banheiros suficientes, parte importante de uma estrutura funcional com tudo funcionando perfeitamente o tempo todo que precisamos. Entrada tranquila, revista ok, as “laranjinhas” (como as pessoas se referem aos falantes daquele sistema de som) estralando psicodelia. Infelizmente o mau tempo não colaborou com a iluminação da tenda e as lâmpadas ultravioletas permaneceram desligadas.

IMG_6764.JPG

Necropsycho foi pontual e impactante. As referências que Nuccho utiliza tanto nas construções de suas faixas quanto nas sampleadas ao longo do live act são inteligentíssimas, “surpreendentes” pra dizer no mínimo. É comum surgir, entre distorções e beats, trechos vocalizados: dessa vez tivemos “Utopia” dos Goldfrapp como base de um momento inacreditavelmente especial e onírico. Não é todo dia. Único.

João entrou em seguida trazendo tudo que todos queriam ouvir, das faixas mais antigas como “Prelúdio” até as novas do álbum “Alvorada” lançado pela Ovni Records no final do ano passado. Sequência intensa, vez ou outra extremamente melódica para dar o tom matutino que lhe é peculiar, foram pouco mais de oito horas de uma das apresentações mais importantes de 2017.

Glosolalia, como sempre, segurou a energia daquela pista frenética, energizada e eufórica. Que manhã, meus amigos, que manhã.

De alma lavada e ouvidos afiados, a volta pra Matrix é sempre difícil, quase dolorosa, mas dessa vez foi bem mais.

Anúncios

A Mixórdia Coletânea II: Prophets Of Destruction

Mictlan ou Inframundo… era o submundo da mitologia Asteca pelo qual, arduamente, a maioria das almas humanas peregrinavam em direção ao extremo Norte, rumo ao tormento de provações em nove níveis distintos. Alfim, alcançar a Paz da eternidade.

Recentemente, em 2 de Março, A Infernal Family Crew lançou seu primeiro mefistofélico V.A., compilado pelo mexicano Czar Psikcopata, manager da IFC, e pelo dinamarquês Snuratekk, artista nato, produtor musical e designer.

Mathias Christensen (aka Snuratekk) atua na cena underground da Europa desde 2004. Sendo proprietário da Sonic Contrast Beings – Record Tribe onde dissemina novos artistas psicodélicos e promove suas artes. Além da SnurArt Design que produz diversas peças de roupas customizadas.

Segundo Mathias, não houve nenhuma seleção de track ou manipulação na criação dos artistas. Apenas foram invocados… A ideia é que todos se sintam livres para a mais pura expressão. Sendo assim, todos guiem o caminho da história.

O V.A. é repleto de frequências experimentais sutis, fractais oblívios de obliteração, atmosferas perturbadoras e diabólicas que induzem a pessoa a extrema histeria ou contemplação em meio ao caos.

Prepare-se para aniquilação de sua percepção acerca de bpms!!!

Creepy Track List:

1. Ra – Horror (xxx bpm)

2. Cosmic Wizard – Monita De Guayaba (205 bpm)

3. Bhassam – Island Of The Dolls (xxx bpm)

4. Multikhauzal – Agares (xxx bpm)

5. Audionimus – Sasfire (220 bpm)

6. MinDelve – Secret Basement (300-xxx bpm)

7. Belfegor – Daemoniorum (222 bpm)

8. Azark – Mortuus Inferni (215 bpm)

9. Dravna – Destruction Is A Form Of Creation (260 bpm)

10. Khorshid – Just My Imagination (xxx bpm)

11. Annalah – Perversion Of The Virgin (215 bpm)

12. ShamoOrtee – Beauty Macrocosom (245 bpm)

13. Snuratekk – Alfablòt Ritual (20/460 bpm)

14. Dajjal – Dimension Of Darkness (220 bpm)

15. K-Owl – Whispercraft (xxx bpm)

 a1945270272_10

Versão completa:

Infernal Family Crew Bandcamp Page: https://infernalfamilycrew.bandcamp.com/