O Som da Bélgica

Demonstrar a gigante influência de um país antes desinteressante ao universo da música eletrônica é o foco primordial desse documentário muito bem editado, dirigido e escrito por Jozef Devillé.

Os fios condutores do filme não se limitam aos depoimentos de pessoas que fizeram parte do estouro do estilo New Beat na Bélgica, pois contam com imagens históricas que complementam o que é contado e ilustram muito bem o fenômeno ocorrido no final da década de 1980 naquele minúsculo país.

Exageros à parte, “The Sound Of Belgium” resulta num excelente documento histórico realizado de maneira leve e até mesmo didática. Constantemente se fala na importância da costa indiana de Goa para a sonoridade trance psicodélica, dos clubes de Detroit e Reino Unido para a cena clubber e a impressão que fica é que Jozef pretende adicionar a Bélgica na linha do tempo da música eletrônica como mais uma disseminadora fundamental dos sons sintetizados. Ponto para ele, pois conseguiu.

O filme – que deu origem a uma festa homônima – pode ser comprado no site oficial e a trilha sonora está disponível no catálogo da gravadora La Musique Fait La Force em disco quádruplo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s