Alta Tecnologia Sonora: a ascensão do Hi-tech nos line-ups

Um estilo de trance noturno acelerado e cheio de energia tem chamado bastante a atenção do mundo: o tal Hi-tech. Antigamente se usava essa nomenclatura para designar uma possibilidade sonora do Full On. O termo caiu em desuso e os darkeiros se apossaram quase que por usucapião. As batidas por minuto são sempre elevadas, o ritmo é marcantemente frenético e a hipnose certeira.

No Brasil o Hi-tech só prospera com a existência de núcleos de festas paulistanos que destacam essa sonoridade: a Cosmic Crew que leva o mesmo nome de um dos maiores selos do estilo e o Psychofreaks de Campinas que inclusive foi responsável por uma pista exclusivamente noturna no Shivaneris Festival na páscoa deste ano.

O alemão Antagon, o italiano Gotalien e os húngaros do Irgum Burgum são alguns dos expoentes do Hi-tech. Música viva e energética!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s